Canelo busca diante de Kovalev igualar-se ao lendário Henry Armstrong

Canelo busca diante de Kovalev igualar-se ao lendário Henry Armstrong

Campeão atualmente dos médios e supermédios, mexicano tenta acumular também o cinturão dos meio-pesados. DAZN transmite neste sábado

Wilson Baldini Jr.

02 de novembro de 2019 | 02h57

 

Saul Canelo Alvarez pode conquistar duas marcas importantíssimas, caso vença o russo Sergey Kovalev, neste sábado, no Hotel MGM, em Las Vegas. Se vencer, o mexicano vai ganhar o cinturão dos meio-pesados, juntando à sua coleção, que já tem o dos médios-ligeiros, médios e supermédios.

Até hoje apenas três mexicanos conseguiram cinturões de quatro categorias. Foram eles: Juan Manuel Marquez (pena, superpena, leve e meio-médio-ligeiro), Erik Morales (supergalo, pena, superpena e meio-médio-ligeiro) e Jorge Arce (minimosca, supermosca, galo e supergalo).

Outro feito importante para Canelo se vencer Kovalev será o fato de acumular simultaneamente os títulos dos médios, supermédios e meio-pesados. Em 127 anos de boxe moderno, apenas o norte-americano Henry Armstrong conseguiu tal façanha, quando em 1937 se sagrou campeão dos penas e no ano seguinte dono do título dos meio-médios e leves.

Armstrong nasceu em 9 de dezembro de 1909 e morreu em 23 de outubro de 1988, aos 78 anos. Com 1,66 metro de altura, o boxeador somou 1.162 roundes disputados, após 183 lutas, disputada de 1931 a 1945. Foram 152 vitórias (101 nocautes) e 22 derrotas e nove empates.

O DAZN transmite toda a programação, direto de Las Vegas, a partir das 22h.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeCaneloKovalev

Tendências: