Canelo vence “treino” diante de Yildirim e anuncia unificação com Saunders em 8 de maio

Canelo vence “treino” diante de Yildirim e anuncia unificação com Saunders em 8 de maio

Mexicano ratifica favoritismo frente ao turco e vence por nocaute técnico no terceiro assalto. Próximo duelo será pelo cinturão da OMB dos supermédios

Wilson Baldini Jr.

28 de fevereiro de 2021 | 01h26

 

O mexicano Saul Canelo Alvarez não teve problemas para ratificar seu enorme favoritismo e derrotar o turco Avni Yildirim, neste sábado, em Miami, por nocaute técnico no terceiro assalto.

Logo após a vitória, ainda em cima do ringue, o campeão dos supermédios do Conselho Mundial e da Associação Mundial de boxe anunciou que vai voltar ao ringue em 8 de maio para enfrentar o britânico BJ Saunders, dono do cinturão da Organização Mundial de Boxe.

O duelo serviu como treino de luxo para Canelo, que praticamente não foi golpeado e pouco suou nso nove minutos de ação. Yildirim apostou na troca de golpes, mas só conseguiu algo no primeiro assalto. A partir do segundo, o mexicano variou o ataque, atingiu muito bem na linha de cintura e dominou completamente o combate.

No terceiro assalto, uma combinação jab/direito levou o turco à lona e ao final do round o técnico Joel Diaz pediu o encerramento da luta. Foi a 55ª vitória de |Canelo, que soma dois empates e uma derrota. Yildirim perdeu pela terceira vez, após 24 lutas.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeSaul Canelo Alvarez

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.