Com a presença de Floyd Mayweather, Anthony Joshua nocauteia Kubrat Pulev e desafia Tyson Fury

Com a presença de Floyd Mayweather, Anthony Joshua nocauteia Kubrat Pulev e desafia Tyson Fury

Britânico mantém os cinturões da Organização Mundial, Federação Internacional e Associação Mundial de Boxe com vitória no nono assalto

Wilson Baldini Jr.

12 de dezembro de 2020 | 20h49

 

 

O britânico Anthony Joshua derrotou o búlgaro Kubrat Pulev por nocaute, no nono assalto, neste sábado, em Londres, e manteve os cinturões da Organização Mundial, Federação Internacional e Associação Mundial de Boxe.

Entre os mil espectadores, que chegaram a pagar mil libras por um ingresso, esteve Floyd Mayweather, que cumprimentou Joshua após a vitória.

Com o 24 triunfo o 22º por nocaute, Joshua, que só perdeu uma vez, aproveitou para desafiar Tyson Fury na entrevista coletiva. “Se eu preciso derrotar Tyson Fury para ser o campeão unificado, vamos fazer logo esta luta.” Fury é o campeão pelo Conselho Mundial de Boxe.

No primeiro round, muito estudo, respeito, mas pouca iniciativa. Pulev tentou atacar, recebeu o contragolpe e foi só. No segundop, mais ação. Joshua acertou sequência boa no corpo, Pulev tentou atacar, mas falhou.

O terceiro round teve muita provocação e o round foi muito bom. Pulev entrou, Joshua acertou a direita, o búlgaro sentiu, tentou mostrar que estava bem, mas Joshua foi para cima e Pulev chegou a virar de costas, caiu, recebeu duas contagens.

No quarto round, Pulev voltou recuperado e Joshua não foi para cima. Mesmo assim, britânico venceu mais um assalto. Já n quinto round, Joshua abusou dos jabs e acertou boa direita, mas não intensificou o ataque. Pulev, com receio do contra-ataque, pouco fez.

Pulev foi melhor pela primeira vez no sexto assalto. Joshua usou mal o jab e Pulev soltou mais diretos perigosos. No sétimo, Joshua acertou boa sequência, com dois bons uppers, mas Pulev riu e voltou a ser agressivo e colocou forte direita em direto.

Os três minutos do oitavo round foran fracos. Joshua entrou nas provocações de Pulev e esqueceu de lutar. Mas o nono assalto foi espetacular. Após começar mais uma vez em ritmo lento, Joshua acertou meia dúzia de uppers, que levaram Pulev para a lona. O búlgaro voltou e recebeu forte direto de direita, liquidando o combate.

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeAnthony JoshuaKubrat Pulev

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.