Com Touro Moreno no córner, Esquiva prevê nocaute domingo em Mangaratiba

Ranqueado em três das quatro principais organizações do boxe, brasileiro sonha em disputar o título mundial ainda este ano

Wilson Baldini Jr.

25 de março de 2019 | 15h38

 

 

Esquiva Falcão não esconde sua alegria pela oportunidade de lutar no Brasil e com a presença de seu pai, Touro Moreno, no córner. O medalha de prata em Londres-2012 se apresenta neste domingo, em Magaratiba, no Rio, diante do argentino Jorge Daniel Miranda.

“Vai ser a melhor luta da minha carreira. Vou conseguir o nocaute”, disse Esquiva, nas redes sociais.

Invicto, o boxeador capixaba soma 22 lutas profissionais, com 15 nocautes. “É um momento de felicidade. Eu esperava há muito por isso”, afirmou Touro Moreno, em um vídeo.

Em caso de vitória, Esquiva pode disputar o título mundial no segundo semestre. O pugilista está ranqueado em três das quatro principais organizações do boxe internacional. Ele é quinto na Associação Mundial de Boxe (AMB), oitavo na Federação Internacional de Boxe (FIB) e décimo no Conselho Mundial de Boxe (CMB).

Existe uma promessa do empresário Bob Arum, dono da Top Rank, com quem Esquiva tem contrato, de que o lutador nacional dispute o cinturão ainda este ano. A maior possibilidade seria diante do norte-americano Rob Brant, campeçao pela AMB.

Além de Esquiva, Robson Conceição, campeão olímpico na Rio-2016, e Adriana Araújo, bronze em Londres-2012, são outras atrações neste fim de semana. Os canais  SporTV e a Bandsports prometem transmissão ao vivo.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.