DAZN mata a saudade que os amantes da nobre arte tem da HBO

DAZN mata a saudade que os amantes da nobre arte tem da HBO

Começam nesta sexta as transmissões de boxe pelo streaming, com a luta entre Estrada x Rungvisai, ao vivo às 20h30 (de Brasília). Narração de Cesar Augusto

Wilson Baldini Jr.

26 de abril de 2019 | 10h01

 

Por quatro décadas o canal HBO divertiu os amantes da nobre com o melhor do boxe. Com a sua saída, ficou um sentimento de perda, que logo foi substituído com a chegada do DAZN.

A empresa de streaming britânica cresce a cada dia e vai matando a saudade dos fãs do pugilismo, ao “adotar” os grandes nomes do esporte. Contratou John Skipper, um executivo da ESPN americana só para negociar com os lutadores. Acertou com o  mexicano Saul Canelo Alvarez por impressionantes US$ 365 milhões por 11 lutas e levou também GGG, Anthony Joshua e muitos outros.

Nos Estados Unidos, o DAZN já é um sucesso e cobra US$ 9,99 por mês para todas as transmissões ou US$ 99,99 pelo ano, com cerca de 100 transmissões. No Brasil, ainda é de graça. E a primeira atração será nesta sexta-feira com a luta entre os supermoscas do Conselho Mundial de Boxe, Juan Estrada e Srisaket Rungvisai.

O eventp começa às 20h30 (de Brasília) e a previsão é de que sejam transmitidas seis lutas.

E vem muito mais por aí. É só acessar o facebook na pagina do DAZN.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeDAZNHBO

Tendências: