Deontay Wilder e Tyson Fury estão mais ‘pesados’ para a revanche deste sábado

Deontay Wilder e Tyson Fury estão mais ‘pesados’ para a revanche deste sábado

Sem encarada como ordenou a Comissão Atlética de Nevada, o norte-americano pesou 104,780 quilos contra 123,830 quilos do britânico

Wilson Baldini Jr.

21 de fevereiro de 2020 | 22h38

 

 

Deontay Wilder e Tyson Fury se apresentaram na pesagem desta sexta-feira para a segunda luta entre ambos mais pesados do que no confronto de 1.º dezembro de 2018, quando houve empate.

No primeiro duelo, em Los Angeles, Wilder pesou 213 libras (96,615 quilos), contra 256 libras de Fury (116,120). Nesta sexta, o norte-americano chegou às 231 libras (104,780 quilos), enquanto o britânico apontou 273 libras (123,830 quilos).

O peso não éum problema para Fury, que está acostumado a se apresentar um pouco ‘gorduchinho’. Já Wilder nunca pesou tanto, o que poderá ser uma tática nova a ser apresentada para este segundo duelo.

Como foi anunciado na quinta-feira, a Comissão Atlética de Nevada não permitiu que os dois se encarassem após a pesagem.

Wilder vai defender pela 11.ª vez o título mundial, versão Conselho Mundial de Boxe (CMB).

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeDeontay WilderTyson Fury

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: