Diante de Paul Gascoigne, Tyson Fury volta e vence “luta exibição”

Diante de Paul Gascoigne, Tyson Fury volta e vence “luta exibição”

Vitória sobre Sefer Seferi marcou o retorno do peso pesado britânico, que sonha recuperar o título mundial diante de Anthony Joshua ou Deontay Wilder

Wilson Baldini Jr.

09 Junho 2018 | 19h21

 

Paul Gascoigne, ex-astro da seleção inglesa de futebol, foi uma das celebridades presentes em Manchester, neste sábado, no retorno de Tyson Fury. O peso pesado britânico, fora dos ringues há dois anos e meio, não teve nenhum problema para derrotar Sefer Seferi por nocaute técnico no quarto round.

O duelo foi quase uma exibição de Fury, que fez suas brincadeiras costumeiras, ameaçou algumas manivelas, mas também demonstrou estar fora de forma (125 quilos) e sem noção de distância.

Seferi, 30 quilos mais leve que Fury, foi apenas um sparring durante o tempo em que esteve no ringue. No intervalo do quarto para o quinto assalto, o lutador originalmente cruzador desistiu do combate.

Fury soma agora 26 vitórias, com 16 nocautes. Ele não lutava desde a vitória sobre Wladimir Klitschko em novembro de 2015. A partir de agora, vai falar pelos cotovelos sobre Anthony Joshua e Deontay Wilder, adversários que deseja enfrentar na tentativa de retomar o título mundial.

 

Mais conteúdo sobre:

boxeTyson Fury