Esquiva Falcão luta em 9 de novembro, mas rival ainda é incerto; Robson Conceição continua tratamento

Medalhistas olímpicos vivem momentos diferentes. Capixaba mira disputa por título mundial, enquanto baiano tenta se recuperar de fratura

Wilson Baldini Jr.

20 de setembro de 2019 | 01h10

 

Medalhistas olímpicos, Robson Conceição e Esquiva Falcão vivem momentos diferentes em suas carreiras. Enquanto o capixaba mira a disputa do título mundial dos médios, baiano tenta se recuperar de fratura na mão direita, sofrida em treinamento.

Medalha de prata em Londres-2012, Esquiva volta a lutar dia 9 de novembro, em Fresno, na Califórnia, diante de um adversário a ser definido. Quarto no ranking da AMB, 6º no CMB e 7º na FIB, o peso médio aguarda uma oportunidade de disputar um cinturão mundial.

Já Robson, ouro na Rio-2016, ainda está se recuperando da lesão e está proibido de socar com a mão direita, com isso “treina o físico, esquivas e estratégias. Segundo Sergio Batarelli, conselheiro do pugilista, a intenção da empresa Top Rank é colocar o campeão olímpico em ação no mês de dezembro.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeEsquiva FalcãoRobson Conceição

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: