Esquiva Falcão vence russo por nocaute técnico no quarto assalto

Brasileiro se mantém invicto, obtém a 28ª vitória e deverá negociar com mais crédito um novo contrato com a empresa Top Rank, em busca de uma chance pelo título

Wilson Baldini Jr.

20 de fevereiro de 2021 | 23h51

 

Esquiva Falcão obteve uma importante vitória, neste sábado, em Las Vegas, ao derrotar o russo Artur Akavov, por nocaute técnico no quarto assalto. Com isso, o medalha de prata em Londres-2012 se mantém invicto no profissionalismo, agora com 28 vitórias, sendo 20 por nocaute. O russo perdeu pela quarta vez, depois de 24 duelos.

A vitória dá credibilidade para Esquiva negociar a renovação de seu contrato com a empresa Top Rank e aumenta suas chances de conseguir uma luta eliminatória por um título mundial ou de uma disputa de cinturão.

Segundo os três jurados,  o russo só foi melhor no primeiro assalto. A partir do segundo o domínio foi todo de Esquiva, dono de um jab poderoso e de bons golpes cruzados com a direita e esquerda.

No intervalo do quarto para o quinto round, o córner de Akavov pediu para o combate ser encerrado. Suspeita de fratura de nariz.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeEsquiva FalcãoArtur Akakov

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.