Floyd Mayweather planeja ganhar US$ 1 milhão com vídeos para o Cameo

Em época de coronavírus, ex-campeão canta parabéns, parabeniza por algum feito ou cita versos famosos para fãs que aceitam pagar pelo vídeo US$ 999

Wilson Baldini Jr.

08 de julho de 2020 | 18h11

 

Floyd Mayweather é mais uma celebridade a assinar contrato com o Cameo, serviço no qual as pessoas podem pagar para que suas pessoas famosas favoritas façam um pequeno vídeo personalizado mediante o pagamento de uma taxa. Quem quiser receber este ‘presente’ terá de pagar US$ 999. “Me ajude a ser a primeira celebridade a ganhar US$ 1 milhão”, disse Mayweather em um vídeo promocional nas redes sociais.

Em março, Mike Tyson aceitou fazer vídeos por US$ 300,00 (cerca de R$ 1.650,00). Em duas horas, o ex-boxeador faturou R$ 120 mil, após cantar parabéns, parabenizar seu fã por algum feito ou citar versos famosos.

O Cameo também afirmou que as reservas subiram 30% no início da pandemia, provavelmente devido à situação de quarentena a que todas as pessoas foram submetidas.
Veja o vídeo no Instagram:

Tudo o que sabemos sobre:

boxe Floyd MayweatherCameo

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: