GGG dá um recado para o duelo do dia 15: “Eu quero machucar Canelo”

GGG dá um recado para o duelo do dia 15: “Eu quero machucar Canelo”

Casaque foi chamado de burro pelo técbico do mexicano. Boxeadores vão se enfrentam pela segunda vez. Na primeira, ano passado, deu empate

Wilson Baldini Jr.

05 Setembro 2018 | 02h28

AFP – John GURZINSKI

 

O clima não poderia estar mais quente para o segundo duelo entre Saul Canelo Alvarez e Gennady GGG Golovkin, dia 15, em Las Vegas.

Os comentários do técnico de Canelo,  Eddie Reynoso, de que GGG é apenas um “burro” de luvas, deixou o pugilista do Casaquistão irritado. “Canelo é um mentiroso. Mentiu e usou drogas. Não quero apenas nocauteá-lo. Quero machucá-lo.”

GGG refere-se ao fato de o mexicano ter sido flagrado no exame antidoping, o que adiou o segundo combate, previsto anteriormente para maio.

Os dois pugilistas devem chegar a Las Vegas na segunda-feira. A última entrevista ocorre na quarta-feira, dia 12, e a pesagem na véspera do confronto, dia 14.