Há 20 anos do primeiro título, Popó deixa o Brasil para abrir academia nos EUA

Há 20 anos do primeiro título, Popó deixa o Brasil para abrir academia nos EUA

Ex-campeão mundial dos superpenas e leves afirmou que vai viajar em março para a Flórida.

Wilson Baldini Jr.

29 de janeiro de 2019 | 11h57

Divulgação

 

Acelino Popó Freitas vai deixar o Brasil. O ex-campeão mundial dos superpenas e leves viaja para os Estados Unidos em março, onde vai abrir uma academia de boxe, provavelmente em Miami.

Em um primeiro momento, Popó irá sozinho. “Lá tem mais mercado para as lutas, qualidade de vida, segurança. Os Estados Unidos mostram para onde vão seus impostos”, disse o ex-boxeador, que em agosto vai festejar os 20 anos de seu primeiro título mundial.

Ao mesmo tempo, Popó festeja o bom momento pelo qual passa o  boxe brasileiro. “Nunca tivemos tantas chances boas de disputar um cinturão”, afirmou, referindo-se a Esquiva Falcão, Yamaguchi Falcão, Robson Conceição, Patrick Teixeira, além da campeã Rose Volante.

Em mais de 20 anos de carreira, Popó, de 43 anos, somou 41 vitórias (34 nocautes) e duas derrotas. Ganhou quatro cinturões mundiais em duas categorias.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeAcelino Popó Freitas

Tendências: