Incansável, Dana White fala mais uma besteira sobre boxe

Incansável, Dana White fala mais uma besteira sobre boxe

Chefão do UFC ignora globalização da nobre arte e diz que 'o boxe está quebrado e só se mantém vivo por causa dos mexicanos"

Wilson Baldini Jr.

23 de abril de 2021 | 13h13

 

Toda vez que fala de boxe, Dana White, chefão do UFC, solta uma besteira. A última foi dizer que a nobre arte está quebrada e que só os mexicanos são os que a mantêm viva.

O “Don King” do MMA ignora a globalização que é presente no boxe desde muito antes do surgimento da internet. Segundo ele, até mesmo os Estados Unidos passam por um problema de qualidade de boxeadores.

Mais um erro do sabichão. Se pegarmos apenas o ranking do Conselho Mundial de Boxe, verificamos que entre as 17 categorias existentes, seis campeões são norte-americanos.

Na lista dos campeões é possível ver lutadores do Reino Unido, Congo, Japão, Tailândia, França, Rússia, além, evidentemente, do México, com cinco representantes donos de cinturão.

Dana White deveria se preocupar mais com seu negócio, que perdeu muito da credibilidade depois que a geração vencedora do Brasil envelheceu e parou de ganhar.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.