Jerwin Ancajas é o novo Manny Pacquiao?

Jerwin Ancajas é o novo Manny Pacquiao?

Resistente aos golpes, agressivo, rápido, com grande variedade de golpes e muito valente, Ancajas, de 25 anos, ganha muitos elogios a cada triunfo

Wilson Baldini Jr.

20 Novembro 2017 | 11h20

Dave Hunt/Reuters

Jerwin Ancajas é o campeão mundial dos supermoscas, versão Federação Internacional de Boxe, desde setembro do ano passado. Sábado passado, o filipino fez sua terceira defesa vitoriosa de cinturão, ao bater o irlandês Jamie Conlan, em Belfast, Irlanda do Norte.

Resistente aos golpes, agressivo, rápido, com grande variedade de golpes e muito valente, Ancajas, de 25 anos, ganha muitos elogios a cada triunfo. E as comparações são cada vez maiores com o astro Manny Pacquiao.

Aliás, Ancajas tem contrato com a empresa de Pacquiao, mas sua credibilidade e reconhecimento ainda estão muito longe das do “chefe”.

Para se ter uma ideia, Ancajas, que é canhoto como Manny, recebeu US$ 3.750 quando conquistou o título mundial diante de McJoe Arroyo no ano passado. Valor muito distante dos US$ 250 milhões que Pacquiao ganhou para enfrentar Manny Pacquiao, em 2015.

“Não acho que posso pensar em ser como Manny Pacquiao. Ele é um dos maiores boxeadores de todos os tempos. Eu só quero vencer as minhas lutas da melhor maneira possível”, disse Ancajas, que nasceu em Panabo, cidade de 185 mil habitantes, nas Filipinas.