Katie Taylor manda um aviso para Rose Volante: “Quero todos os títulos em 2019”

Katie Taylor manda um aviso para Rose Volante: “Quero todos os títulos em 2019”

Irlandesa derrota a finlandesa Eva Wahlstrom na preliminar de Canelo x Fielding e chega a 12 vitórias como profissional

Wilson Baldini Jr.

16 de dezembro de 2018 | 11h27

 

Katie Taylor teve mais uma atuação empolgante, neste sábado, no Madison Square Garden, em Nova York, na preliminar de Saúl Canelo Álvarez x Rocky Fielding. Veloz, ágil, forte e com grande sequência de golpes, a irlandesa venceu todos os dez roundes e derrotou a finlandesa Eva Wahlstrom. Os três jurados foram unânimes para marcar 100 a 90.

Ao final do combate, Taylor mandou um aviso que serve para a brasileira Rose Volante: “Em 2019, quero todos os títulos na categoria dos leves”, disse a pugilista, dona dos cinturões da Federação Internacional e Associação Mundial de Boxe. Volante é campeã da Organização Mundial de Boxe.

Taylor também indicou que pretende fazer duas superlutas contra a portorriquenha Amanda Serrano e diante da colombiana Cecilia Braekhus. “2019 promete ser um ano bastante agitado. Só quero grandes lutas”, avisou a lutadora, de 32 anos.

Taylor soma 12 vitórias, com cinco nocautes. Ela foi cinco vezes campeã mundial amadora e campeã olímpica em 2012, o que lhe colocou como grande ídolo do esporte irlandês. Empresariada por Eddie Hearn, que também cuida de lutadores como o peso pesado Anthony Joshua, Taylor já lutou no estádio de Wembley e em Cardiff, além do Barclay’s Center, em Nova York.