Ladrões roubam US$ 750 mil da casa de Julio Cesar Chavez Jr. em Los Angeles

Ladrões roubam US$ 750 mil da casa de Julio Cesar Chavez Jr. em Los Angeles

Boxeador mexicano está com a família no México, onde treina para sua próxima luta em novembro; ladrões roubaram joias e dinheiro do filho do lendário pugilista mexicano

Wilson Baldini Jr.

28 de outubro de 2020 | 09h14

 

Julio César Chávez Jr. foi surpreendido, nesta terça-feira, com a notícia de que sua casa em Los Angeles, Califórnia, foi saqueada e os ladrões roubaram joias e dinheiro no valor de aproximadamente US$ 750 mil dólares.

Segundo o TMZ Sports, o boxeador, de 34 anos e ex-campeão mundial dos médios pelo Conselho Mundial de Boxe, estava ausente da propriedade porque estava no México se preparando para seu próximo combate, a ser realizado em 21 de novembro contra o argentino Nicolás Ezequiel Masseroni.

De acordo com a nota, a polícia de Los Angeles está investigando, mas até o momento nenhuma prisão foi feita e nenhum suspeito foi identificado. O referido site dos EUA vai mais longe com a especulação e cita que Chávez Carrasco é casado com Frida Muñoz, ex-mulher de Edgar Guzmán, filho do chefe do tráfico do Cartel de Sinaloa, Joaquín ‘Chapo’ Guzmán. Edgar Guzmán foi assassinado em 2008 em Sinaloa.

Julio César Chavez Jr. e sua esposa acabam de se tornar pais pela segunda vez em setembro, quando do nascimento de Julio César Chávez III, homônimo de seu pai e de seu ilustre avô, a lenda do boxe mexicano Julio César Chávez González.

Tudo o que sabemos sobre:

boxeJulio Cesar Chavez

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.