Leon Spinks, ex-campeão mundial dos pesos pesados, está internado em hospital de Las Vegas

Leon Spinks, ex-campeão mundial dos pesos pesados, está internado em hospital de Las Vegas

Medalha de ouro na Olimpíada de Montreal-1976 ficou com o título mundial dos pesos pesados em 1978, em sua oitava luta, ao derrotar Muhammad Ali

Wilson Baldini Jr.

14 de dezembro de 2019 | 00h02

 

O norte-americano Leon Spinks, de 66 anos, ex-campeão mundial dos pesos pesados, está internado em Las Vegas para tratamento de um câncer de próstata. A família fez um comunicado oficial, nesta sexta-feira, sobre a saúde do ex-boxeador.

“Leon está atualmente em terapia intensiva em um hospital de Las Vegas, recebendo cuidados médicos atentos para suprimir o câncer de próstata com o qual ele foi diagnosticado no início deste ano e desde então se espalhou para a bexiga.”

Fuzileiro naval entre 1973 e 1976, Leon Spinks foi medalha de ouro na categoria dos meio-pesados na Olimpíada de Montreal-1976, juntamente com seu  irmão mais novo Michael Spinks. No ano seguinte iniciou sua carreira profissional e assombrou o mundo ao derrotar Muhammad Ali, em fevereiro de 1978, em sua oitava luta. Perdeu o cinturão para o próprio Ali sete meses mais tarde.

A partir daí, sua carreira ficou irregular, ao acumular várias derrotas. Chegou a disputar mais uma vez o título mundial, mas perdeu, por nocaute técnico no terceiro assalto, para Larry Holmes, em 1981. Baixou de peso e tentou a sorte entre os cruzadores, mas foi derrotado por Dwight Muhammad Qawi, em 1986, por nocaute técnico no sexto assalto.

Lutou até 1995 e acumulou um cartel de 26 vitórias (14 derrotas), 17 derrotas e três empates. Uma das figuras mais simpáticas da nobre arte, Leon é figura constante nos hotéis de Las Vegas, onde posa para fotos e dá autógrafos para os fãs.

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeLeon SpinksMuhammad Ali

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.