Maguila e Falconi se encontram depois de 33 anos: ‘Pô, mas você tá careca’

Maguila e Falconi se encontram depois de 33 anos: ‘Pô, mas você tá careca’

Ex-pugilistas se divertem durante encontro nesta tarde de sexta-feira. Argentino vai participar do documentário que será feito sobre o brasileiro

Wilson Baldini Jr.

12 de abril de 2019 | 18h30

 

Adilson Maguila Rodrigues e Walter Daniel Falconi se reecontraram depois de 33 anos, nesta sexta-feira à tarde, no Hotel Jaraguá, no centro de São Paulo, em clima de muita brincadeira e amizade. “Pô, mas você está careca”, brincou Maguila, logo no primeiro momento do encontro, que reuniu grandes figuras do boxe nacional.

Os dois ex-pugilistas assistiram ao VT das duas lutas que disputaram em 1985 e 1986. “Põe logo a segunda luta”, disse Maguila, depois de ver o primeiro duelo no qual o argentino venceu no terceiro assalto. “Espera um pouco. Acabei de ganhar. Por que tanta pressa”, devolveu Falconi, muito simpático.

Maguila e Falconi se conhecem desde 1981, quando o argentino veio a São Paulo para a disputa de um sul-americano amador e foi treinar na academia do BCN, onde o brasileiro treinava todos os dias.

“Eu e Maguila temos muitas coisa em comum. Temos três filhos, tivemos três cachorros e hoje temos dois gatos”, voltou a brincar Falconi. Além disso, atualmente, os dois encabeçam projetos sociais, cujo tema principal é o boxe.

Falconi também participou de filmagens para o documentário que está sendo feito sobre a história de um dos pugilistas mais carismáticos da nobre arte nacional.

Aos 61 anos, Falconi mora na Itália. Maguila, de 60 anos, sofre de encefalopatia traumática crônica (ETC), uma doença crônica.

 

 

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxeMaguilaFalconi

Tendências: