Manny Pacquiao decepciona ao dizer que prefere luta com Conor McGregor a encarar Errol Spence Jr.

Manny Pacquiao decepciona ao dizer que prefere luta com Conor McGregor a encarar Errol Spence Jr.

Plano da lenda filipina é fazer uma exibição com o astro do MMA e arrecadar muito dinheiro para as pessoas carentes de seu país

Wilson Baldini Jr.

13 de janeiro de 2021 | 10h01

 

Manny Pacquiao decepcionou pela primeira vez. A lenda filipina afirmou que prefere lutar com Conor McGregor a encarar Errol Spence Jr.  Segundo Pacman, um duelo exibição com o lutador de MMA poderá render muito dinheiro que será doado a pessoas carentes de seu país.

Ao mesmo tempo, Pacquiao não considera Errol Spence Jr. um adversário a acrescentar muito a sua carreira, ao dizer que o norte-americano é “mais lento” que Keith Thurman, rival derrotado em 2019.

Tudo bem que o evento com McGregor seja mais rentável, mas dar chance ao irlandês aproveitador não é legal. Aos 42 anos, dono do cinturão de campeão “super” dos meio-médios da Associação Mundial de Boxe, Pacman deveria enfrentar mais dois rivais de peso este ano, também arrecadar bastante dinheiro, e depois partir para a presidência das Filipinas.

Desta vez, Pacquiao foi mal.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.