Mike Tyson ainda não voltou aos ringues, mas já tem patrocinadores

Ex-campeão mundial colocou mais um vídeo de treinamento nas redes sociais, desta vez vestindo a camiseta de uma marca de bebida energética: 'Treinamentos mais inteligentes todos os dias'

Wilson Baldini Jr.

23 de junho de 2020 | 09h11

 

 

 

Mike Tyson colocou mais um vídeo de seus treinamentos nas redes sociais. Desta vez, o ex-campeão mundial dos pesos pesados vestiu a camiseta de uma bebida energética e deixou um recado. “Treinamento mais inteligente todos os dias”, referindo-se nome do patrocinador. Até esta terça-feira pela manhã o vídeo já tinha sido visto mais de 3,1 milhões de vezes.

Aos 53 anos, Tyson mantém o mistério se vai fazer apenas uma luta exibição ou se a carreira profissional será retomada, após 15 anos de aposentadoria. Em uma live, na última sexta-feira, o Iron Man fez uma ‘proposta’ para Jon Jones, campeão do UFC. O convite pareceu mais uma brincadeira do que algo oficial. Muitos lutadores já se ofereceram para encarar o famoso boxeador.

Por enquanto, os treinos mostrados por Tyson são apenas manoplas, exercícios nos quais ele ataca o tempo todo, faz esquivas, mas são exercícios curtos e sem receber o ataque de um adversário. Muito pouco para retornar de forma efetiva aos ringues contra rivais 20 anos mais novos.

Mike Tyson se tornou o mais jovem campeão mundial dos pesos pesados em 1986, quando derrotou Trevor Berbick, com apenas 20 anos de idade. Foi campeão até 1990, antes de ser condenado a prisão por estupro em 1992. Voltou em 1995 e retomou o título em 1996. No mesmo ano perdeu para Evander Holyfield e tentou recuperar o cinturão em 2002, frente a Lennox Lewis, mas voltou a ser derrotado.

View this post on Instagram

Training smarter every day. @smartcups SmartCups.com

A post shared by Mike Tyson (@miketyson) on

Tudo o que sabemos sobre:

boxeMike Tysonsmart cups

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: