Patrick Teixeira luta bem, vence nos EUA e se aproxima da disputa do título mundial

Patrick Teixeira luta bem, vence nos EUA e se aproxima da disputa do título mundial

Boxeador, de 27 anos, obteve a vitória mais importante da carreira, ao superar, por pontos, o jamaicano Nathaniel Gallimore, na Califórnia

Wilson Baldini Jr.

02 Setembro 2018 | 10h11

 

Com uma atuação segura, consciente e tranquila, Patrick Teixeira obteve a vitória mais importante de sua carreira, sábado à noite, em Índio, na Califórnia, ao derrotar o jamaicano Nathaniel Gallimore, por pontos, após oito roundes. Os três jurados apontaram 78 a 74.

Com a 29ª vitória em 30 lutas, o boxeador de Santa Catarina, décimo no ranking da Organização Mundial de Boxe (OMB) e 31º no Conselho Mundial de Boxe (CMB), vai se aproximar de uma oportunidade de disputar o título mundial dos médios-ligeiros, pois Gallimore ocupa a 10ª posição no CMB.

“Estou muito fez com esta vitória. Quero agradecer a todos que torcem por mim. Vou seguir trabalhando duro e corrigir meus erros”, disse o pugilista, de 27 anos.

Patrick x Gallimore foi transmitida pela página da Golden Boy Boxing no facebook, com mais de 2 milhões de visualizações.

Segundo Patrick Nascimento, empresário de Patrick Teixeira, o boxeador pode voltar aos ringues em novembro. Uma reunião com a Golden Boy Promotions, empresa de Oscar De La Hoya, deve ser feita nos próximos dias.

 

Mais conteúdo sobre:

boxePatrick TeixeiraC