Patrick Teixeira luta em novembro, segundo presidente da OMB. Manager do campeão confirma negociação

Patrick Teixeira luta em novembro, segundo presidente da OMB. Manager do campeão confirma negociação

Luta deveria ter ocorrido em 25 de abril, na Argentina, mas foi adiada por causa da pandemia do novo coronavírus

Wilson Baldini Jr.

09 de setembro de 2020 | 14h35

 

Francisco “Paco” Varcarcel, presidente da Organização Mundial de Boxe, anunciou, nesta quarta-feira, que a primeira defesa de título mundial do brasileiro Patrick Teixeira será em novembro, diante do argentino Brian Castaño.

Esteja ciente de que um acordo foi estabelecido para #WBO Peso Médio Jr. Teixeira / Castaño conforme mandato do Comitê do Campeonato. A luta estava marcada para o dia 25 de abril, mas por causa da covid-19 foi adiada. Fomos informados de que será realizada em novembro de 2020. Estamos em espera pela decisão do comitê”, postou o dirigente em suas redes sociais.

“Por enquanto ainda nada. Apenas negociações”, disse Patrick Nascimento, manager do dono do cinturão dos médios-ligeiros, que confirmou a negociação para novembro. “Estamos treinando duro e esperando viajar para fazer a defesa obrigatória como ordenada pela WBO.” Local ainda vai ser definido.

Patrick ganhou o cinturão em 30 de novembro, quando venceu a eliminatória do cinturão diante do dominicano Carlos Adames, em Las Vegas, por pontos, após 12 roundes sensacionais.

Castano, de 30 anos, está invicto, com 16 vitórias, 12 por nocaute e um empate, frente ao cubano Eryslandy Lara. Ele é o primeiro do ranking da Organização Mundial de Boxe.

 

Tudo o que sabemos sobre:

boxePatrick TeixeiraBrian Castaño

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: