100% Estados Unidos em Omaha. Campeão com sobras.

100% Estados Unidos em Omaha. Campeão com sobras.

Bruno Voloch

26 de julho de 2015 | 16h36

Omaha, EUA.

Não deu nem para a saída, como se diz na gíria.

Os Estados Unidos não tomaram conhecimento dos adversários na fase final do Grand Prix.

O título, confirmado na véspera após os 3 a 0 diante do BRASIL, teve sabor completo com a vitória contra a China pelo mesmo placar na abertura da última rodada no domingo.

20150726_134108

As norte-americanas sobraram em Omaha.

Kiraly, que tinha poupado Jordan Larson no jogo decisivo frente ao BRASIL, escalou a camisa 10 como titular. Megan Easy, Dixon, Haromotto, Lowe e Kreklow completaram o time titular.

Harmotto foi a melhor em quadra. Lowe chega para ficar. Hill, hoje no banco, é realidade. Robinson, que entrou em todos os sets,  evolui a cada torneio.

20150726_134538

Nenhum técnico tem tantas jogadoras de qualidade para a mesma posição como Kiraly.

A um ano dos jogos olímpicos do Rio de Janeiro, os Estados Unidos deixam claro ao mundo quem domina o vôlei mundial.

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: