À espera de Camila Brait, BRASIL define líberos para o Pan e Pré-Olímpico

À espera de Camila Brait, BRASIL define líberos para o Pan e Pré-Olímpico

Bruno Voloch

23 de julho de 2019 | 08h30

Enquanto aguarda o ‘sim’ de Camila Brait, o técnico José Roberto Guimarães definiu que Léia e Suelen serão as líberos do BRASIL no Pré-Olímpico.

Natinha irá representar a seleção brasileira nos jogos Pan-Americanos de Lima, no Peru.

Diferente da VNL, o regulamento da competição permite a inscrição de apenas 12 atletas. A ex-líbero de Barueri não terá concorrência.

Se Natinha virou a terceira opção, o mesmo não dá para dizer do outro lado.

O retorno de Suelen significa que a jogadora do Praia ainda tem prestígio com a comissão técnica. E com Léia não é diferente, afinal a líbero do Minas foi procurada e aceitou o convite para voltar à seleção depois de 3 anos fora.

Briga boa e aberta.

A tendência porém é que uma delas assista a Olimpíada pela televisão.

José Roberto Guimarães não esconde de ninguém que Camila Brait é a primeira opção. O treinador não vai medir esforços para contar com a jogadora. Há quem diga, com uma boa dose de otimismo, que o retorno dela poderia acontecer na Copa do Mundo em setembro no Japão.

A conferir.

 

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: