Andando para trás

Andando para trás

Bruno Voloch

19 de julho de 2019 | 08h37

Agora já são 12 anos de jejum.

Foi em 2007, ainda sob comando de Luizomar de Moura e na gestão Ary Graça, que o vôlei feminino do BRASIL conquistou pela última vez o mundial sub-20.

Insucesso na base que emperra a tal sonhada e exigida renovação na seleção adulta.

Tempos de vacas magras que se confirmaram com a derrota de 3 a 2 para a China e a consequente eliminação na segunda fase da competição jogada no México. É a pior campanha da história do sub-20. Resultado muito ruim e como agravante de ter contado com duas jogadoras que jogaram a VNL: Julia e Tainara.

O BRASIL terá que se contentar em disputar o quinto lugar. No fim de semana a seleção enfrentará os Estados Unidos. Se vencer, encara o vencedor de Polônia x China. Se perder, jogará pelo sétimo lugar.

Japão x Rússia, Itália x Turquia e Japão fazem as semifinais do mundial sub-20 no sábado.

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: