Barueri, de José Roberto Guimarães, ganha cara com medalhista olímpica

Barueri, de José Roberto Guimarães, ganha cara com medalhista olímpica

Bruno Voloch

17 Outubro 2016 | 08h00

As experientes Érika, medalha de bronze na Olimpíada de Sidney em 2000, e a levantadora Ana Cristina são os primeiros reforços do time de Barueri.

Érika tinha proposta para jogar na Europa. A jogadora optou em atender o convite de José Roberto Guimarães e apostar no projeto.

0,,14660132-EX,00

Ana tem 32 anos e estava na Suíça. Passou por São Caetano, Pinheiros, Osasco e São Bernardo.

As duas já se apresentaram ao técnico. Ana treina desde a última quarta-feira e Érika chegou no fim de semana.

A líbero será Michelle Daldegan, ex-Sesi. A oposta Lia, que jogou por São Caetano, deve acertar apesar da sondagem do vôlei da Alemanha.

Barueri irá disputar no início de novembro a Taça de Prata. A competição classifica 4 equipes para a Superliga B, segunda divisão, em dezembro.

9 clubes jogarão a Taça de Prata em duas sedes. Barueri vai sediar um quadrangular entre os dias 1 e 3 de novembro.

627371-970x600-1

O clube, através do próprio treinador, ainda busca patrocinadores.

José Roberto Guimarães mora em Barueri e é dono de um centro de treinamento no Jardim Califórnia, o Sportville.

Os auxiliares Cláudio Pinheiro e Wagner Coppini, o Wagão, fazem parte da comissão técnica.