Bauru na bola e discurso desafinado

Bauru na bola e discurso desafinado

Bruno Voloch

13 de outubro de 2020 | 08h14

Agora sim.

Sem sustos e apenas na bola, sem favorecimento da arbitragem como na primeira partida, Bauru passou fácil pelo Pinheiros e está na final do campeonato paulista.

Foi a terceira vitória consecutiva, a mais convincente apesar do time ter errado mais do que nos jogos anteriores.

Bauru vê Mara em ascensão, Brenda e Polina ganhando ritmo e Tifanny continua sendo a principal atacante da equipe nesse início de temporada.

Classificação justa e merecida.

O discurso de Anderson Rodrigues que o objetivo foi alcançado não combina e soa estranho.

Papo furado.

Típico do técnico que pensa pequeno.

Bauru, pelo investimento, não fez mais do que obrigação. O resultado confirma o favoritismo do time ao título independentemente de quem venha do outro lado, Osasco ou Barueri.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.