CBV repreende e proíbe canal de falar sobre crise das quadras envolvendo Banco do Brasil

CBV repreende e proíbe canal de falar sobre crise das quadras envolvendo Banco do Brasil

Bruno Voloch

17 de novembro de 2020 | 09h02

A crise envolvendo as novas quadras não para.

O blog apurou que a CBV, Confederação Brasileira de Vôlei, proibiu TVNSPORTS de falar sobre o tema.

A ordem, segundo consta, foi clara.

Uma ex-jogadora da seleção confirmou as informações em off ao blog:

‘Eles foram repreendidos pela CBV, proibindo narradores, comentaristas e repórteres de falarem sobre o tema piso. A ordem foi clara para sequer comentar e desviar foco caso aconteça algum incidente. A “solicitação” é de que o jogo de câmeras não mostre imagens tendo foco no piso ou os momentos de paralisação do jogo para entrada dos enxugadores’.

O blog procurou a CBV que ainda não se manifestou.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: