Crise sem fim: Mohamed recebeu apenas 2 salários em 6 meses de Taubaté

Crise sem fim: Mohamed recebeu apenas 2 salários em 6 meses de Taubaté

Bruno Voloch

18 de fevereiro de 2020 | 07h53

Ninguém escapa em Taubaté.

O blog apurou que o marroquino Mohamed Al Hachdadi recebeu apenas 2 salários desde que foi apresentado em setembro do ano passado. O último teria sido pago em outubro.

Uma realidade completamente diferente daquela que o jogador tinha na Itália quando defendeu o Vibo Valentia na temporada passada.

Mohamed assinou com Taubaté em julho de 2019 por cerca de 150 mil dólares pela temporada.

A diretoria do clube e a prefeitura, que insistem em negar a crise financeira, tratam o caso dele como prioridade.