Desrespeito à instituição: Flamengo joga para ninguém na Superliga

Desrespeito à instituição: Flamengo joga para ninguém na Superliga

Bruno Voloch

30 de novembro de 2019 | 09h57

A cena constrangedora foi registrada no ginásio do Tijuca.

Era o Flamengo em quadra pela Superliga e jogando, pasmem, para ninguém.

Tudo bem que o adversário era Bauru e o resultado conhecido de véspera. O time perderia, como perdeu, por 3 a 0. Mas nada justifica literalmente meia dúzia de gatos pingados nas arquibancadas quando a marca Flamengo está envolvida.

Uma imagem inaceitável e que não condiz com a vitoriosa história do clube no esporte.

Erro crasso da administração atual que montou um time meia-boca para cumprir tabela e expõe o Flamengo ao ridículo.

 

Tendências: