E a liderança caiu no colo do Cruzeiro.

E a liderança caiu no colo do Cruzeiro.

Bruno Voloch

13 Janeiro 2019 | 08h51

A Superliga Masculina continua nivelada por baixo com os grandes sofrendo mais do que imaginavam.

A primeira rodada do returno não foi diferente. Assim, aos trancos e barrancos e também sem convencer muito, o Cruzeiro assumiu a liderança da competição.

Liderança que caiu no colo mineiro beneficiado pela derrota do Sesc para o surpreendente Maringá no Rio por 3 a 1.

Competência de uns, incompetência de outros.

Como fez o dever de casa batendo Itapetininga por 3 a 1, o Cruzeiro foi aos 29 pontos abrindo dois de vantagem sobre o Sesi e o próprio Sesc.

Um jogo apenas 3 a 0, justamente placar do Sesi contra Ribeirão. Taubaté, que vive uma turbulência sem fim, conseguiu a façanha de perder um set para Caramuru.

O Minas é outro que segue devendo mas fez os 3 pontos contra o desmotivado Corinthians.