Freguesia do BRASIL para a Argentina chega ao México

Freguesia do BRASIL para a Argentina chega ao México

Bruno Voloch

16 de setembro de 2015 | 09h30

Primeiro foi no Pan. Depois no mundial sub-23 e agora no México.

O BRASIL virou freguês do vôlei argentino.

A derrota da seleção masculina na abertura da segunda fase do campeonato juvenil mostra que os resultados negativos nas categorias de cima diante da Argentina não são por acaso.

arggeee

Como normalmente acontece, até em função da fragilidade dos adversários, o BRASIL passou a primeira fase do mundial juvenil sem maiores problemas.

Mas logo na etapa seguinte, o vôlei brasileiro não resistiu e caiu diante da Argentina por 3 a 0 com 29-27, 25-18 e 25-19.

Os números do jogo são ainda mais assustadores.

A Argentina fez 10 pontos de bloqueio, contra 1 do BRASIL. Inexplicável.

argeeee 1

O time comandado por Léo Carvalho segue os passos da seleção sub-23 e a derrota para os hermanos pode selar a sorte do BRASIL no México.

Se der a lógica, ficará provado, diferente do que defende a maioria, que as derrotas recentes para o vôlei argentino não são um simples coincidência.

É uma dura realidade. É melhor porém admitir que nossos vizinhos evoluíram e chegaram.

Para evitar outro pesadelo, ainda maior, o BRASIL precisa derrotar Eslovênia e Turquia para sobreviver em terras mexicanas.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: