Giampaolo pede demissão e agrava crise no Lube Civitanova de Leal, Simon e Bruno.

Giampaolo pede demissão e agrava crise no Lube Civitanova de Leal, Simon e Bruno.

Bruno Voloch

11 de dezembro de 2018 | 07h14

Giampaolo Medei não é mais o técnico do Lube Civitanova.

O treinador não resistiu e após o time perder por 3 a 0 para o Milano pediu demissão do cargo. A diretoria do clube italiano aceitou. Marco Camperi, um dos assistentes, irá dirigir provisoriamente a equipe.

O Lube é apenas o quarto colocado do campeonato italiano com 21 pontos, 7 atrás do Perugia.

Esse foi apenas mais um insucesso do Lube que gastou uma fortuna trazendo nomes como Leal, Simon e Bruno e continua zerado sem ganhar nada na temporada.

No fim do mês passado o time, que era favorito, caiu na final do mundial para o Trentino, resultado que desagradou em cheio os dirigentes e gerou enorme cobrança também em cima dos jogadores do Lube.