Itália muda para melhor com Juantonera e chegada de Blengini

Itália muda para melhor com Juantonera e chegada de Blengini

Bruno Voloch

03 de agosto de 2015 | 08h12

Juantorena e Zaystev, Biralelli e Anzani, Gianelli e Sabbi e Colaci de líbero.

A seleção masculina da Itália mudou e para melhor.

A primeira convocação do novo técnico, Gianlorenzo Blengini, deixa claro que o time terá outra cara e será bem mais forte e competitivo do que a equipe que treinada por Mauro Berruto.

Osmany-Juantorena-kMTC-U110165344820LlC-620x349@Gazzetta-Web_articolo

A grande novidade é a presença do cubano naturalizado italiano Osmany Juantorena.
Blengini, como manda a lógica, convocou Zaytsev e Sabbi, afastados da seleção na última fase da Liga Mundial por indisciplina. Travica e Randazzo não foram lembrados.
A Itália começa a treinar hoje em Cavalese para a Copa do Mundo do Japão.
A competição será em setembro no Japão e classificará duas seleções para a Olimpíada do Rio em 2016.
O blog estará no evento.
Gianlorenzo Blengini
A lista completa de Gianlorenzo Blengini tem os levantadores Pasquale Sottile, Simone Giannelli e Davide Saitta.
Osmany Juantorena, Ivan Zaytsev, Filippo Lanza, Oleg Antonov e Jacopo Massari são os ponteiros.
Luca Vettori e Giulio Sabbi são os opostos. Simone Buti, Matteo Piano, Emanuele Birarelli e Simone Anzani foram chamados como centrais e os líberos Salvatore Rossini e Massimo Colaci fecham a lista.

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: