Jaqueline fora do Grand Prix. Estratégia e pontas definidas

Jaqueline fora do Grand Prix. Estratégia e pontas definidas

Bruno Voloch

17 de junho de 2015 | 08h32

Se nada mudar, Jaqueline está fora da primeira etapa do Grand Prix.

A jogadora, segundo o blog apurou, já teria sido liberada da viagem para a Tailândia, local da fase inicial para a seleção brasileira.

Apesar da viagem longa e desgastante, Jaqueline está debilitada e a justificativa será baseada no condicionamento físico da atleta.

jaqueline-volei-5

Sendo assim, o técnico José Roberto Guimarães começa a esboçar as ponteiras que viajarão para a primeira competição oficial do ano de 2015.

Pelo que vem treinando em Saquarema, a tendência é que Fernanda Garay, Gabi, Natália e Mari Paraíba sejam as escolhidas.

Tendência.

A seleção realiza nesta quinta-feira, 18, o quarto e último amistoso contra o Japão no Rio de Janeiro.

O BRASIL abre o Grand Prix no dia 3 de julho diante do Japão. No dia seguinte encara a Sérvia e dia 5 a Tailândia.

No fim de semana posterior, provavelmente com opções diferentes, o BRASIL receberá Bélgica, Alemanha e a própria Tailândia, ainda com José Roberto Guimarães no comando.

ze_roberto-511260-5166c31c22002

A estratégia da comissão técnica é somar o maior número de pontos na duas primeiras fase do Grand Prix.

Os jogos na Itália, entre 16 e 18 de julho e a decisão nos Estados Unidos, entre 22 e 26 de julho, vão coincidir com a disputa do vôlei no Pan-Americano, e o BRASIL será dirigido por Paulo Coco, assistente de José Roberto Guimarães.

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.