Muy amigo: Thiago Alves detona Ricardinho

Muy amigo: Thiago Alves detona Ricardinho

Bruno Voloch

21 Novembro 2017 | 08h09

Esdrúxula a declaração de Thiago Alves, atleta do Maringá, após a derrota do time para Canoas por 3 a 1. Difícil acreditar que o ex-jogador da seleção brasileira tenha proferido tamanha tolice.

Qualquer um poderia ser criticado, menos Ricardinho. E foi justamente o que fez Thiago Alves ainda que indiretamente. Segundo ele, Maringá precisaria ‘melhorar a distribuição’.

Como assim?

Será que Thiago Alves não viu o jogo?

E o que ele fez em quadra?

Não tenho as estatísticas em mãos, trabalho da comissão técnica, mas aposto que o aproveitamento dele no ataque não deve passar dos 20%. Isso sendo otimista.

Ricardinho continua jogando muita bola. A habilidade é a mesma. Curiosamente, o próprio atleta tem o direito de me corrigir se estiver errado, o levantador está voando fisicamente e confesso que não me recordo de vê-lo assim nem nos tempos de seleção brasileira.

Thiago Alves não. Está pesado ese arrastando em quadra. A contusão não justifica o estágio atual. E ainda quer bola?

Haja paciência para o interminável Ricardinho.

Não deve estar sendo fácil dividir as tarefas de presidente e jogador. Se não fosse por ele o projeto certamente não estaria de pé na cidade.

Ricardinho foi tão coerente que abriu mão de ser o capitão, o que era o mais indicado pela experiência e liderança, e entregou a faixa para Thiago Alves.

Hoje deve estar arrependido.

Não de ter passado a faixa e sim de ter apostado e contratado Thiago Alves.