Natália confirmada. José Roberto Guimarães se rende e corta Amanda da seleção.

Natália confirmada. José Roberto Guimarães se rende e corta Amanda da seleção.

Bruno Voloch

27 Setembro 2018 | 09h39

Acabou o mistério.

O blog se antecipa, crava o corte de Amanda e a confirmação de Natália. Assim o BRASIL já tem as 14 jogadoras definidas para o mundial. O blog estará no Japão a partir da segunda fase em Nagoya.

A lista oficial será divulgada em breve.

O treinador da seleção só pode mudar as 14, ele e qualquer técnico, a regra vale para todas as seleções, até amanhã antes da reunião técnica e só por lesão de alguma atleta, ainda assim com atestado do médico credenciado da FIVB, Federação Internacional de Vôlei.

Fato é que o profissionalismo e a seriedade prevaleceram e José Roberto Guimarães se rendeu ao óbvio cortando Amanda da seleção brasileira. A conclusão que se chega é que o bom senso existia mas estava escondido por medo do senso comum.

A versão oficial fala na recuperação de Natália, mas a atitude do técnico, ainda que com enorme atraso, mostra a grandeza de um tricampeão olímpico.

Não poderia esperar nada diferente.

José Roberto Guimarães sabe que no fundo Amanda pode até quebrar o galho em Barueri. Só que existe uma distância gigantesca entre clube e seleção e jogadora de clube e jogadora de seleção.

É o caso dela. Nada mais.

E Amanda, cá entre nós, foi longe demais.

Agora é agradecer os serviços prestados, como no caso da gloriosa Monique, e  guardar na lembrança aquele jogo com a Sérvia pela primeira fase da VNL. Aquela partida vendeu a imagem de uma Amanda que na verdade nunca aconteceu na seleção.