O surpreendente bi estadual do Minas em cima do Praia Clube.

O surpreendente bi estadual do Minas em cima do Praia Clube.

Bruno Voloch

08 Novembro 2018 | 08h36

No primeiro encontro, provavelmente de muitos na temporada, deu Minas que levou o título mineiro de 2018.

É aquele que de fato tem menos representatividade, ainda mais se comparado ao possível cruzamento no Mundial de Clubes e os futuros confrontos na Superliga.

Só que a rivalidade entre o Minas e Praia, acirrada na última década, ganhou proporções ainda maiores após o título brasileiro conquistado pelo time de Uberlândia. Entre eles não existe amistoso e fez crescer a importância do jogo único que decidiu o estadual.

Partida cercada de expectativa e que assustou pela facilidade com que o Minas venceu por 3 a 0. Resultado que absolutamente não condiz com a realidade e não retrata equilíbrio entre as duas equipes, que é bom ressaltar, estavam completas em quadra.

Seria prematuro tirar qualquer conclusão, até porque trata-se de início de temporada e o Praia, para quem não lembra, teve começo semelhante ano passado.

De qualquer forma a derrota por 3 a o não deve ter sido bem digerida internamente. No caso do Minas, nem o mais otimista torcedor poderia esperar algo semelhante no primeiro encontro entre os dois.