Praia Clube desiste e antecipa cruzamento com Rio

Praia Clube desiste e antecipa cruzamento com Rio

Bruno Voloch

16 de março de 2019 | 08h22

Só o Praia poderia mudar a ordem dos confrontos das quartas de final da Superliga.

Estava literalmente nas mãos do clube mineiro escolher entre Barueri e Rio o adversário na semifinal. Por isso, a última partida da fase de classificação não era um jogo qualquer.

Se a derrota em si por 3 a 0 já foi decepcionante, pior e preocupante foi a inexplicável postura das jogadoras do Praia após a perda do primeiro set por 25/23. Ali o time, sabe-se lá os motivos, jogou a toalha, entregou os pontos e o terceiro lugar para o Rio.

Bia foi destaque, mas esse Rio continua instável, distante do ideal, com sérios problemas de recepção e a vitória aconteceu muito mais pela desistência do Praia do que por méritos próprios.

Assim, por opção do Praia, aqueles que protagonizaram a decisão na temporada passada, acabam antecipando o cruzamento para a fase semifinal.

Levando-se em conta o equilíbrio na recente história e que cada um venceu um jogo na atual Superliga, é uma escolha no mínimo arriscada para o Praia que se vencesse enfrentaria Barueri e só encontraria o Rio novamente numa eventual final.

Agora não.