Presidente de Valinhos, coagido, demite e readmite técnico André Rosendo

Presidente de Valinhos, coagido, demite e readmite técnico André Rosendo

Bruno Voloch

17 de novembro de 2019 | 19h00

Como se não bastasse a crise financeira, Valinhos vive agora uma intensa briga política nos bastidores.

O blog apurou que o presidente do Country Club, Osvaldo Seratine, demitiu o técnico André Rosendo na semana passada. No mesmo dia porém o dirigente, pressionado e agora desmoralizado, voltou atrás e manteve o treinador no cargo.

Segundo o blog foi informado, Seratine sugeriu ao treinador que passasse a exercer outras funções no clube. André escreveu uma carta de próprio punho aceitando as condições.

A coisa entretanto mudou de figura quando as jogadoras, assim que souberam da possível saída de André, se rebelaram e disseram que só permaneceriam em Valinhos se André fosse o treinador.

Mari Capovilla, por motivos óbvios, e a levantadora argentina Yael, não foram a favor da permanência dele e não se manifestaram.

Acuado e sem qualquer iniciativa, o presidente recuou.

Foi nesse clima que Valinhos entrou em quadra para enfrentar o Minas pela segunda rodada.

O blog fez contato com Seratine que não retornou as ligações.

 

Tendências: