Taubaté será sede, mas não está nem aí para a Libertadores.

Taubaté será sede, mas não está nem aí para a Libertadores.

Bruno Voloch

16 de janeiro de 2019 | 10h22

Taubaté irá sediar as finais da primeira edição da Libertadores.

E daí?

O clube não parece nem um pouco empolgado com a competição. Independentemente de estar classificado por ser sede do evento em fevereiro, o clube, seguindo orientações internas, não prioriza o torneio.

Assim como aconteceu contra o UPCN, o time atuará novamente com os reservas diante do Libertad.

O interesse de Taubaté era receber o Sul-Americano, que dá direito ao campeão de jogar o mundial de clubes. O Minas no entanto irá organizar e o BRASIL terá também o Cruzeiro como representante.

A Libertadores foi mais uma ‘cala boca’ dos dirigentes, espécie de prêmio de consolação, para tentar amenizar a insatisfação de Taubaté com a escolha de Minas para o Sul-Americano.

Não deu certo.