Thiaguinho dita o ritmo do líder Sesc.

Thiaguinho dita o ritmo do líder Sesc.

Bruno Voloch

13 de dezembro de 2018 | 09h20

O Sesc confirmou a boa fase passando por cima do Sesi por 3 a 0 no Rio.

Resultado que dá ao time do Rio o título simbólico de campeão do primeiro turno mesmo faltando dois jogos, um deles contra o Cruzeiro.

A ótima campanha tem a ver com o crescimento de Thiaguinho.

O levantador se firmou de vez no cenário, amadureceu, está bem fisicamente e impressiona pela confiança. Joga simples, escolhe sempre as melhores opções e é hoje o ponto de equilíbrio do Sesc.

Aos 25 anos, ainda pode e deve evoluir.

Merece, não é de hoje, uma chance de verdade na seleção, que clama por renovação.