Dedo Corredor entra em cena no combate ao câncer de próstata
As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

Dedo Corredor entra em cena no combate ao câncer de próstata

Alessandro Lucchetti

06 de outubro de 2014 | 15h15

Dedo CorredorNovembro está chegando e é o momento de o Dedo Corredor entrar em cena. Trata-se de um personagem criado pelo hospital A.C Camargo, que promoverá, no dia 16 do próximo mês, a quarta edição da Corrida e Caminhada Saúde do Homem. O objetivo é apregoar os benefícios da corrida e de um estilo de vida saudável, que contribuem para reduzir a incidência do câncer de próstata.

“Nossa proposta ao promover a Corrida e Caminhada é evidenciar os benefícios práticos da atividade física para a prevenção de novos casos de câncer em geral e para a redução de casos avançados da doença, que demandam tratamentos mais complexos, afetam muito a qualidade de vida do paciente e diminuem as chances de cura”, destaca Gustavo Guimarães, diretor do Núcleo de Urologia do A.C. Camargo.

A corrida será na USP, e os praticantes poderão optar pelas distâncias de 5km e 10km.

Trabalho científico desenvolvido pela Universidade de Harvard reuniu 2705 homens com câncer de próstata que se exercitavam vigorosamente por 3 horas ou mais por semana. Eles apresentaram risco 61% menor de mortalidade por câncer de próstata do que aqueles com menos de 1 hora com a mesma intensidade de atividades.

A atividade contribui também indiretamente na prevenção do câncer ao atuar contra o acúmulo de sobrepeso e diferentes graus de obesidade.

A data escolhida pelo A.C Camargo se articula com um movimento internacional conhecido como “Movember” – junção de moustache (bigode) e november (novembro). O bigode é um símbolo da campanha em prol da saúde do homem. No evento haverá distribuição de bigodes autocolantes e serviço de barbearia. O simpático Dedo Corredor tem a missão de desmistificar o exame de toque retal. 

As inscrições podem ser efetuadas por meio do site   www.accamargo.org.br/corrida-caminhada-2014.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: