6k da Longevidade agita Brasília

6k da Longevidade agita Brasília

SILVIA HERRERA

25 de outubro de 2015 | 22h51

Na décima etapa do Circuito deste ano, Ederson Pereira,  conquista sua sexta vitória, com  tempo de 17’34”. O fundista também venceu em São José do Rio Preto (SP), São José dos Campos (SP), Sorocaba (SP), Porto Alegre e Salvador. A próxima prova do Circuito da Longevidade será dia 8 de novembro, em Goiânia (GO).

_MG_5245

“Já participei de quase todas as etapas de Brasília deste Circuito e este foi meu melhor tempo. O percurso é difícil por causa da subida no final, mas como estava na frente, consegui superar os demais. Estou muito feliz pela sexta vitória e, mais ainda, por bater a quantidade de pódios em relação à temporada de 2014”, comenta o campeão.

Os irmãos gêmeos Damião Ancelmo de Souza e Cosme Ancelmo de Souza chegaram em segundo e terceiro lugares. Em quarto ficou o brasiliense Flávio Henrique G. Andrade e Leandro Prates Oliveira, em quinto.  “A prova foi uma superação, acabei de sair de uma lesão e preciso estar bem para representar minha equipe em uma maratona, no dia 15 de novembro”, conta o Damião que é atleta Bradesco Seguros.

No feminino deu Quênia. Jackline Chemwek Rionoripo ganhou com a marca de 20’38”. Em segundo mais uma africana, Magdalena Crispin   Shauri, da Tanzânia, com o tempo de 20’48”. Completaram o pódio a colombiana Muriel Coneo (21’14”), a brasiliense Roseane Xavier dos Santos (21’54”) e a Adriana Cristina Silva da Luz (22’04”). Os cinco primeiros colocados, nos pelotões masculino e feminino, receberam R$ 23 mil em prêmios: R$ 5 mil (1º lugar), R$ 3 mil (2º lugar), R$ 2 mil (3º lugar), R$ 1 mil (4º lugar) e R$ 500 (5º lugar), livres de impostos, além de troféus e medalhas.

Duas mil pessoas participaram da corrida e mais duas mil da caminhada. Mas as grandes estrelas da corrida não foram os fundistas da elite do atletismo. Aos 72 anos, Lucio Mauro Diniz foi o corredor mais longevo a participar. Ele completou os 6 km em 32’35”!!!! Entre as mulheres, o destaque foi Valdete Aguiar, de 72 anos, que fez a prova com o tempo de 1’09”. Na caminhada, destacaram-se João Nunes, de 81 anos, e sua esposa, Rebeca Nunes, de 72 anos. Parabéns a esses quatro, que receberam troféus e homenagens.

_MG_2186

Nessa etapa, a Casa Azul Felipe Augusto  recebeu o valor equivalente ao da renda obtida com as inscrições no evento. A iniciativa se repete em todas as cidades onde o Circuito da Longevidade é realizado. Desde que foi criado, em 2007, mais de R$ 2,6 milhões já foram doados. O objetivo dessa ONG é trabalhar pela inclusão social e econômica e canalizar recursos para projetos de combate de situações de vulnerabilidade entre crianças, adolescentes, jovens e suas famílias.

 

Tudo o que sabemos sobre:

Circuito da LongevidadeEderson Pereira

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.