Aula virtual gratuita com Ivaldo Bertazzo

Aula virtual gratuita com Ivaldo Bertazzo

É dia 26 de julho, às 10h , só precisa se cadastrar

SILVIA HERRERA

01 de julho de 2020 | 15h27

Gênio do movimento, o professor Ivaldo Bertazzo tem se reinventado diariamente para adaptar suas aulas ao meio virtual. Não é uma tarefa fácil, mas ele tem conseguido surpreender.  Ivaldo tem ministrado aulas espetaculares, via YouTube link restrito, de segunda a quinta-feira. E uma aula é totalmente diferente da outra, e dia 26 de julho,  às 10h, vai ter uma aula grátis. Só é preciso se cadastrar neste link: http://bertazzo.paginas.site/02-aula-ao-vivo-cadastro

Ivaldo Bertazzo viajou o mundo estudando o gesto

Todo mundo pode participar, desde o atleta profissional, ao corredor amador, o caminhante e até o sedentário. Para ter uma experiência completa, coloque uma roupa confortável, fique descalço e separe um espaço na sala para  poder se movimentar, pelo menos um metro quadrado, e boa viagem ao bem estar. O objetivo da aula é promover o autoconhecimento, entender como seu corpo se movimenta, a psicomotricidade. O Ivaldo tem muita experiência e sabe como ninguém explicar os movimentos. Com isso o aluno ganha maior poder de concentração, bem estar e tônus muscular. Ou seja, o.

O Ivaldo, que atua na área do movimento desde os anos 70, usa objetos que as pessoas costumam ter em casa, como toalhas, lençóis; e outros 14 objetos vêm na caixa – quando a pessoa faz a matrícula.

Como escreveu Drauzio Varella no prefácio do livro “Cérebro Ativo- Reeducação do Movimento”, do Ivaldo Bertazzo, “a fartura e o conforto do mundo atual criaram uma armadilha que nos aprisionou em cadeiras, poltronas, bancos de automóveis e elevadores. Se a evolução tivesse planejado o corpo humano para a serventia de hoje, para que membros tão longos?”Inúmeras horas sentando trabalhando, não faz bem ao nosso organismo, e Ivaldo tem exercícios ótimos para isso. E vamos combinar que com a pandemia esse cenário se agravou ainda mais. Tiro por mim, fico horas sentada trabalhando no computador, a hora que levanto até me sinto estranha. Fora que não saio para correr desde 18 de março…, que falta me faz correr na rua… Mas semana passada retornei a correr num trampolim de jump, dentro da sala mesmo. E aulas do Ivaldo têm me feito um bem danado. #ficaadica
Neste momento de incertezas e de insegurança sanitária, trabalhar o poder de concentração em sintonia com o corpo é fundamental. Para quem quiser conhecer um pouco do trabalho dele, há alguns vídeos no canal do Instituto Bertazzo no YouTube- seguem abaixo.

Como se exercitar em casa:

Vídeos:

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: