Bombeiros participam de corrida de rua em Brumadinho

Bombeiros participam de corrida de rua em Brumadinho

SILVIA HERRERA

10 de julho de 2019 | 22h46

A quarta edição da Iron Runner 14k rolou no sábado, 6 de julho, no Instituto Inhotim, maior museu de arte moderna ao ar livre do mundo, que fica na cidade mineira que teve 4% de sua área atingida pelo rompimento da barragem do Córrego do Feijão em janeiro. #corridaderua #brumadinho #inhotim #BlogCorridaParaTodos

Bombeiros são homenageados na Iron Runner Foto Kíria Ribeiro – divulgação

A cidade vive do turismo e com esta prova quis  divulgar que Inhotim não foi atingida e que o local é seguro. Aliás a corrida este ano contou com a parceria Associação de Turismo de Brumadinho (ATBR), que lançou, em maio, a campanha “Abrace Brumadinho” para resgatar o fluxo normal de visitantes à região, esclarecendo que a cidade segue viva e de braços abertos para os turistas.

Inhotim é um paraíso de cultura em Minas Gerais. Estive no parque há quatro anos e pretendo voltar, o local é imenso, arborizado, com altimetria desafiadora para os corredores.

Cento e dezoito bombeiros, que atuaram nos salvamentos, correram a Iron Runner e foram homenageados no pós- prova.  “Foi uma satisfação ter participado de uma fase crítica das buscas e agora estar com esta ação social em prol de Brumadinho”, relatou Marcos Vinícius de Lima, dos Bombeiros.

Pedro Esteves, 29 anos, garantiu o bicampeonato. “É uma competição que gosto bastante de disputar. Este ano, em especial, a prova foi ainda mais importante, em função
da tragédia que se abateu sobre Brumadinho, local sede do evento esportivo. Queria fazer parte desse momento com os outros atletas da cidade.  Ser bicampeão aqui dentro de Inhotim
foi relevante demais, que sou de família de corredores. Foi tudo mágico. Foi tudo oomo planejei”.
O corredor Djalma Santos de 34 anos, que é de Brumadinho, venceu o percurso de 7K. “A corrida foi simplesmente espetacular. Para mim, que moro em Brumadinho, sediar um evento como esses é excelente para nós, atletas, e também para o município em si, que vê a economia movimentada.Precisamos evidenciar que a cidade está viva, apesar de tudo, e que o Iron Runner nos ajuda a promover o município de forma turística. É só observarmos o tanto de atleta que vem disputar a competição. Muitos deles dormem em Brumadinho, se alimentam, e por aí vai. Ficamos felizes também com o desempenho dos mais de 200 atletas da cidade que correram na competição. Isso é motivo de orgulho para todos nós”.
 
Para a organização é fundamental que hajam eventos esportivos como este para que a cidade retome sua vocação turística e se recupere do acidente ambiental que chocou o mundo. “A competição na cidade de Brumadinho é algo especial. Para nós, da organização, foi uma satisfação poder sediar pela quarta vez o Iron Runner dentro do Instituto Inhotim. Um diferencial do Iron Runner é ser uma prova que não acaba quando termina, pois, ao final do evento, o atleta consegue ainda vivenciar todo o universo que o Inhotim oferece: uma rica experiência esportiva, cultural e gastronômica para toda a família”, explica Lucas Fonda, da organização da competição.
 

 

Tudo o que sabemos sobre:

corrida de ruaIron RunnerBrumadinho

Tendências: