Corrida e musculação

Corrida e musculação

SILVIA HERRERA

15 de julho de 2017 | 10h10

 

Fazer trabalho preventivo orientado por fisioterapeuta e supervisionado por educador físico é a melhor estratégia para correr livre de lesões. #corridaparatodos

 

Para falar sobre os benefícios da musculação para os praticantes de corrida de rua, ninguém melhor que José Maria Santarem, doutor em medicina pela USP, é um dos precursores da musculação terapêutica. O médico explica que os corredores podem ter importantes benefícios com a prática da musculação. “O aumento da força muscular promovido pela musculação é um fator de proteção articular, importante para os praticantes de corrida, atividade que impõe grandes sobrecargas ao aparelho locomotor”, explica.

dr José Maria Santarem

Ele destaca também que no aspecto da performance, a musculação também ajuda o corredor. “A potência muscular melhora paralelamente ao aumento da força, permitindo acelerações maiores e manutenção de velocidade nos aclives dos percursos. O limiar anaeróbio também aumenta paralelamente ao aumento da força muscular. E um corredor mais forte, portanto com limiar anaeróbio mais alto, consegue correr mais rápido, protelando a fadiga”, destaca. Esta e outras importantes informações estão discriminadas no site acadêmico treinamento resistido (www.treinamentoresistido.com.br), do qual Santarem é o coordenador.

Para ilustrar melhor para vocês como seria o treinamento preventivo para corredores fui até o Instituto Biodelta, do qual o médico é diretor, e acompanhei o professor Rafael Rocha de Lima, que é educador físico e é corredor amador. Confira no vídeo abaixo.

“O ideal para o corredor é fazer musculação como um trabalho preventivo de lesões, no mínimo duas sessões por semana”, conta. O primeiro passo é procurar um fisioterapeuta que fará toda a orientação dos treinos. O segundo passo é procurar um educador físico e levar essas orientações para que o profissional monte seu treino, com as particularidades necessárias. Nem sempre o que seu amigo faz é bom para você. Por exemplo, os aparelhos desenvolvidos por Santarem que são utilizados no Biodelta são totalmente articulados, favorecendo inúmeras adaptações, bem diferentes dos utilizados na maioria das academias.

Estou sentindo na pele o que a falta de fortalecimento provoca na vida de um incauto pangaré como eu. Dores. Nos últimos cinco meses o meu melhor amigo foi o gelo….

Rafael lembra que os membros superiores devem ser lembrados, eles também ajudam na corrida, e que os treinos são individualizados. Por isso o vídeo abaixo é para você corredor ter uma ideia de como é uma sessão de musculação para corredores, não para tentar copiar na sala de musculação do condomínio. #corridasemlesão

Tudo o que sabemos sobre:

corrida de ruamusculação

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: