Joshua Cheptegei pode quebrar o terceiro recorde mundial em um ano

Joshua Cheptegei pode quebrar o terceiro recorde mundial em um ano

Aos 24 anos, ele pulverizou as marcas dos 5k e dos 5 mil metros e tentará diminuir o tempo nos 10 mil

SILVIA HERRERA

26 de setembro de 2020 | 08h00

Há 59 semanas Joshua Cheptegei, 24 anos, está em primeiro no ranking dos 10 mil metros, com ouro em Doha no ano passado. E definitivamente 2020 é o ano deste atleta de Uganda. Em fevereiro ele quebrou o recorde mundial dos 5k, em corrida de rua em Mônaco; em 14 de agosto,  os 5 mil metros rasos em pista, também em Mônaco, na etapa da Diamond League. E dia 7 de outubro ele tentará quebrar o recorde mundial dos 10 mil metros rasos em Valência (ESP). E ele tem grandes chances de estabelecer seu terceiro recorde mundial em um ano.

Cheptegei é de Uganda – foto NN Running

Na Diamond League ele baixou a marca anterior, que durava 16 anos, em 2 segundos, com o tempo 12m35s36. O recorde era do etíope Kenenisa Bekele. E por coincidência, o atual recorde dos 10 mil é também de Bekele, estabelecido em 26 de agosto de 2005, em Bruxelas, com 26:17:53. O melhor tempo do atleta de Uganda nos 10 mil é 26:48.36. Joshua viaja para a Espanha e vai dar o seu melhor para obter  a nova marca no  NN Valencia World Record Day, na pista de atletismo do Estádio del Turia, respeitando o protocolo de segurança sanitária. Detalhe, dez dias depois ele vai representar Uganda  no Mundial de Meia Maratona, em Gdynia, na Polônia. E em dezembro passado, Joshua diminuiu a marca dos 10km em corrida de rua, exatamente em Valência, outro recorde mundial na coleção dele.

Bekele é do mesmo time de Joshua, o NN Running Team, e está na torcida para que o garoto tenha mais um momento mágico neste ano: “Fiquei muito feliz que o recorde dos 5 mil tenha sido quebrado por Joshua, um dos meus companheiros de equipe . Ele é um talento excepcional que está claramente em grande forma e desejo-lhe tudo de bom na busca pelo recorde mundial de 10.000 metros em Valência. ”

Cheptegei quebrou o recorde dos 5 mil em Mônaco

Joshua nasceu em Kapchorwa, é o segundo mais velho de nove irmãos. Começou a se destacar como atleta de meio fundo em 2014, em sua primeira competição internacional, quando foi o segundo colocado na NN Geoffrey Kamworor no TCS World 10km, em Bangalore (Índia) – Joshua provou sua habilidade rara quando em sua primeira corrida internacional ele ficou em segundo lugar para o dobro do campeão mundial de meia maratona e cross country e também membro da equipe de corrida .conversou com o blog no lançamento do tênis Nike Air Zoom Tempo Next%, modelo que ele ajudou ativamente no desenvolvimento. Confira abaixo.

Qual foi a sensação de quebrar o recorde dos 5 mil metros na Diamond League? 

Joshua Cheptegei – Foi tão, tão incrível. Foi algo muito especial para mim. Sempre foi o meu sonho quebrar os recordes mundiais, quando eu quebrei o recorde mundial nos 5 mil metros eu senti que ainda faltava algo para eu realizar. As pessoas sempre me falaram que para ser considerado um dos melhores atletas do mundo, é preciso mostrar o desempenho nas pistas, mas não somente ganhar medalhas, e sim ganhar as medalhas com a quebra dos recordes. Fiquei muito feliz com o meu desempenho, não consigo nem descrever a felicidade que eu senti e ainda sinto de lembrar que bati esse recorde. Isso é o combustível para a minha motivação e me dá mais energia para ir atrás dos próximos desafios.

Você pensa em correr uma maratona no futuro?

Joshua Cheptegei  – Por enquanto continuarei focando nas pistas, ainda tenho bastante objetivos que quero atingir, medalhas que quero conquistar, principalmente olímpicas. Quem sabe após as Olímpiadas de Paris em 2024 eu possa pensar em uma transição para maratona, esse seria um grande sonho.

E  Tóquio2020?

Joshua Cheptegei   – Meu objetivo principal para Tóquio é voltar com duas medalhas de ouro. Isso seria algo fantástico para mim, algo muito especial. No entanto, agora estou focado em bater o recorde dos 10 mil metros dia 7 de outubro.

Quais são as suas expectativas para outubro para a quebra do recorde mundial? Você tem algum tempo em mente que gostaria de fazer? E os seus planos para o Mundial de Meia Maratona?

Joshua Cheptegei   – Estou me preparando muito para os 10 mil metros, não tenho um tempo específico em mente, mas com certeza o meu maior objetivo é bater o recorde mundial. Sobre a meia maratona, com certeza seria ótimo vencer, mas caso não aconteça será uma ótima experiência de qualquer forma. Será a minha primeira vez correndo uma meia maratona, então não tenho tanta certeza de como será o meu desempenho, estou treinando muito, então qualquer que seja o resultado eu ficarei muito feliz.

Quais são as suas inspirações na corrida?

Joshua Cheptegei  –  Eu me inspiro em pessoas que conquistaram feitos incríveis no esporte, especialmente no Eliud Kipchoge (recodista mundial da maratona). Tive a oportunidade de encontrar com ele, que disse para eu ter muita paciência, determinação e sempre manter o foco nos meus objetivos, e não reclamar quando as coisas não acontecem do jeito que nós planejamos.

Qual a sensação de ser convidado para participar do desenvolvimento do Nike Air Zoom Tempo Next%?

Joshua Cheptegei – É muito gratificante saber que os nossos feedbacks são importantes. Fazer parte do desenvolvimento de um tênis que está ajudando a melhora da performance dos atletas e dos fãs do esporte é algo muito especial para mim. O Tempo realmente me impressionou, é um tênis de corrida incrível. Assim que eu recebi o produto fiquei maravilhado com o conforto e me deu uma motivação a mais nos meus treinos, isso foi um pouco antes de eu viajar para Mônaco, eu fiquei muito empolgado para testá-lo.

Principais características que um tênis deve corrida deve ter?

Joshua Cheptegei – Eu acho que quando você está procurando por um tênis de corrida, não deve considerar apenas a durabilidade do produto, mas sim o conforto. Você não deve comprar um tênis que seja somente bonito, mas que não te dê o conforto necessário. Isso chega a ser uma questão psicológica, se você não se sente confortável, você já começa a corrida “fraco”. Por isso, a primeira coisa a se considerar é o conforto e não a durabilidade.

 

O TÊNIS DE JOSHUA CHEPTEGEI

Tempo tem algumas tecnologias do Nike Alphafly

Nike Air Zoom Tempo NEXT% (R$ 1.800,00) foi lançado dia 14 de setembro e já esgotou. Em linhas gerais é a versão para treinos do Alphafly NEXT%, o modelo mais rápido da marca que aumenta o tempo da corridas dos atletas da elite em 4%, comprovado cientificamente. O projeto durou dois anos e os feedbacks de Joshua foram fundamentais. A diferença principal está na placa carbono da entressola, nesta versão é de nylon, o que resulta em muito conforto sem perder a propulsão.

Nike Air Zoom Tempo NEXT% por dentro

Espuma  ZoomX: usada no ante pé e no meio do pé para maximizar o retorno de energia.

Air Zoom Pods: os mesmos pods do Alphafly NEXT% no ante pé  para oferecer amortecimento responsivo e maior propulsão.

Espuma  React: colocada no calcanhar, onde há maior necessidade de proteção contra impacto e durabilidade.

Durabilidade do solado: design com mais estudos de dados até hoje. A equipe de Nike Running aproveitou o design generativo para adicionar o máximo de durabilidade possível, minimizando qualquer peso adicional, usando borrachas de alta durabilidade.

Flyknit: construção no cabedal é em Flyknit, com uma faixa de ajuste embutida para oferecer contenção e suporte adicionais. Aproveitando os aprendizados do  Vaporfly NEXT%, o Nike Air Zoom Tempo NEXT% apresenta um acolchoamento interno do cabedal semelhante para maior conforto.

 

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.