Marcus Fernandes vence 3 das 8 modalidades no XTERRA Costa Verde

Marcus Fernandes vence 3 das 8 modalidades no XTERRA Costa Verde

SILVIA HERRERA

11 de fevereiro de 2019 | 19h12

O triatleta santista faturou o primeiro lugar em triatlo, trail run 5K e aquathlonA primeira etapa do circuito 2019 XTERRA reuniu quatro mil participantes nas oito modalidades. As outras são: trail run (10K e 21K), swim challenge (1,5K e 3K) e a corrida Kids. #triatlo #trailrun #BlogCorridaParaTodos #XTerra

O evento lotou o Portobello Resort & Safári,  na região da Costa Verde, no Rio de Janeiro, no último fim de semana. Teve chuva, calor e muito sol. O XTERRA Fest, exclusivo para os atletas inscritos e seus acompanhantes, foi comandado pelo cantor Rodrigo Santos, ex-baixista do Barão Vermelho, e agitou a noite de sábado (9) ao som clássico do rock’n’roll nacional e distribuição da cerveja Praya.

XTERRA Fest/Divulgação

A principal modalidade deste circuito é o trialto e  teve sua primeira prova do ano repleta de candidatos ao lugar mais alto do pódio. Entre os homens, o atual heptacampeão nacional Felipe Moletta, o atual vencedor da etapa de Costa Verde Fernando Toldi, Rafael Juriti e Marcus Fernandes eram os favoritos. Melhor para Marcus, que sobressaiu na parte aquática e saiu do mar com pelo menos um minuto à frente dos demais. Depois do ótimo desempenho inicial, o fundador da MF Assessoria Esportiva só precisou administrar a primeira colocação. Moletta ficou em segundo lugar, seguido por Toldi. “Fiquei muito feliz com meu fim de semana em Mangaratiba e dou os parabéns para a organização das provas do XTERRA. Com certeza farei o circuito 2019 todo e vou atrás do título”, espera o campeão.

Na categoria feminina, a vencedora foi Laura Mira, embaixadora do circuito e vice-campeã do ranking 2018. Com um desempenho avassalador, Laura terminou o percurso inteiro com dez minutos de sobra para a segunda colocada, Luiza Zanini e 14 para a terceira, Mirian Damásio – a estreante entre profissionais. “Na primeira prova do ano a emoção é maior! Coração a mil do início ao fim, mas é ótimo começar com uma vitória em uma etapa linda entre amigos. Parabenizo as novas meninas da elite feminina, tomara que a modalidade continue crescendo porque o calendário de 2019 vai bombar”, conta Laura.

Laura Mira/Divulgação XTERRA

O Aquathlon  foi dominado do início ao fim pelo santista Marcus Fernandes, que chegou a ser ameaçado por Dudu Gonzalez, vencedor da modalidade em 2018, mas os quase dois minutos de diferença na parte da corrida fizeram a diferença para ele, que levantava seu segundo troféu no dia. A categoria feminina contou com o retorno de Luzia Bello, tetracampeã no triatlo (2010, 2011, 2012 e 2013) e integrante do Hall da Fama XTERRA. Após cinco anos afastada, a conterrânea de Marcus venceu a prova e foi homenageada durante a premiação.

A dupla natural de Santos também foi campeã nos 5K de trail run, que é a modalidade perfeita para os que estão iniciando a rotina de praticar os esportes off-road. A corrida foi disputada no domingo, dia 10, e contou com mais de mil competidores.

Divulgação XTERRA

Aliás, o percurso das trails runs era extremamente desafiador, com subidas e solos diversificados, o que aumentou a diversão para os amadores e o desafio para os profissionais da competição. Antônio Gonçalves e Geisla dos Santos, bicampeão e pentacampeã do ranking respectivamente, não conseguiram começar o ano da forma que estão acostumados, vencendo. O mineiro ficou com a segunda posição, atrás de Raphael Valverde, da equipe Runners da Vila Militar e que já havia vencido a etapa em 2018. Já a ilhabelense Geisla ficou com a 3° colocação final em Costa Verde, o que deu mais sede ainda de vitória.“Minha meta agora é treinar e treinar para chegar entre as cinco primeiras no XTERRA World Championship, no Havaí, no fim do ano. De qualquer forma quero defender meu pentacampeonato no Brasil, irei sempre que puder, mas a meta do momento é o mundial mesmo”, explicou Geisla (foto abaixo).

Geisla dos Santos/Divulgação XTERRA

Solange Mariano, que ano passado havia levado o troféu de ouro nos 10K, foi a grande vencedora dos 21K de 2019, mostrando rápida evolução e que será uma forte concorrente ao ranking atual.

No trail run 10K, Renato Campos, da equipe ML Mix Run, completou a prova em 43:05 e garantiu o primeiro lugar com mais de um minuto de folga o segundo colocado. No feminino a vitória foi acirrada. Helenice da Silva Barboza, da equipe Angra Runners, venceu com 59:38, seguida por Isis de Jesus Machado (59:51).

No Swim Challenge (1,5K e 3K) – natação em mar aberto-, mais de 450 nadadores se aventuraram nas águas cariocas de Mangaratiba. O multicampeão Artur Pedroza não cansa de colecionar troféus e feitos históricos e, desta vez, inscreveu-se tanto na modalidade de 3K, onde já é tetracampeão nacional, quanto nos 1,5K. O atleta de 44 anos, que é embaixador XTERRA e que também integra o Hall da Fama XTERRA não deu chance para possíveis “zebras” e ditou o ritmo de ambas competições. Artur é o único atleta na história do evento que jamais perdeu uma prova. Com 100% de aproveitamento, o veterano ainda esbanja humildade. “As baterias tiveram intervalo de uma hora e foram bem diferentes. Uma com mar mais calmo e a outra com mar mexendo muito, exigindo técnicas distintas de nado e respiração, mas sempre com o ritmo intenso em ambas. Penso apenas em seguir nadando sem euforia, me divertindo sempre”, disse.

Entre as mulheres, Vitória Farabulini ficou no lugar mais alto do pódio nos 1,5K, seguida pelas atletas do Club de Regatas Vasco da Gama, Gabriela Alves (vencedora em 2018) e Maylu Rocha, respectivamente. Nos 3K, o destaque foi para a sul-africana Tarryn Stanford, que deixou para trás a própria Vitória Farabulini e outra nadadora cruzmaltina, Valesca Cruz.

O XTERRA Costa Verde, que teve apoio da Speedo, Galt, CNI, Maçãs Turma da Mônica, e VZ0motors tem todos os resultados disponíveis no link https://bit.ly/2Bq2KAn.

Atenção, a próxima edição do XTERRA Brazil Tour 2019 será qualificatória para o Mundial do Havaí, o XTERRA Brazil, em Ilhabela, nos próximos dias 11 e 12 de maio. Ainda dá tempo para treinar. Inscrições e informações neste link: https://bit.ly/2MYyb9k

 

 

Mais conteúdo sobre:

triatloXTERRAtrail run