Qual seu Perfil Genético?

Qual seu Perfil Genético?

SILVIA HERRERA

29 de abril de 2016 | 10h40

MARATONA-2016_CAMISASDSC_6449

Participantes da Maratona do Rio vão poder conferir essa novidade na Expo Rio Run.

Maratona do Rio

Vinte e nove de maio está chegando!! Dia da Maratona do Rio, na minha humilde opinião a mais linda que já participei e não é sem razão que as inscrições se esgotaram seis meses antes da prova.  E se tem uma retirada de kit caprichada é o dela. E este ano, entre as novidades, os 29 mil corredores inscritos vão poder conferir o Perfil Genético, método que permite elaborar treinamentos e dietas baseados no DNA, no estande da Biogenétika, laboratório pioneiro nesse tipo de análise individualizada.

Tá, todo mundo sabe que esses exames são “salgados” – neste caso R$ 990, mas os corredores inscritos na prova vão ter 10% de desconto na Expo Rio Run, de 26 a 28 de maio no Centro de Convenções Sul América. Entre os exames, os mais indicados para atletas são BioSport e BioDiet. O primeiro identifica como cada organismo responde às atividades físicas, usando a análise genética para traçar estratégias de condicionamento específicas, otimizando os resultados, enquanto o segundo identifica como cada organismo metaboliza certos alimentos e substâncias, atingindo respostas mais eficientes para dietas e tratamentos. Vale o investimento, já que só é preciso realizar uma vez na vida.

A coleta é simples e indolor. É feita da saliva, e o resultado do exame demora cerca de 30 dias para ser entregue. Conversei com a geneticista Lia Kubelka, que dá mais detalhes abaixo.

Além disso, como a maioria dos participantes é de outros Estados e países – este ano são 31 países! – a organização acaba de fechar uma parceria com a EasyTaxi.  No dia da maratona mil participantes vão ter 50% de desconto na “corrida” de táxi. O desconto será através do aplicativo Easy.  O voucher será fornecido para os primeiros 500 corredores que retirarem o Kit da prova na quinta-feira (26) e para os 500 primeiros na sexta-feira (27), no Centro de Convenções Sul América.

9CD19496E0AD47B

E para que tudo seja perfeito, a organização da prova está há um ano trabalhando duro. “ Um evento desse porte envolve diferentes esferas como Prefeitura, Governo, Secretaria de Esportes, CET Rio, etc. Temos que causar o mínimo impacto no trânsito, organizar a passagem de 29 mil pessoas pelas ruas da cidade, além de desmontar o percurso logo após o término da prova. Só para a montagem usamos mais de 7.500 grades e 4.000 cones. São diversas reuniões e uma grande equipe para definir toda a estratégia de operação e logística”, explica João Traven, sócio-diretor da Spiridon Promoções & Eventos, organizadora da Maratona do Rio ao lado da Dream Factory.

A largada dos 42 km é às 7h30 na Praça do Pontal do Tim Maia, no Recreio dos Bandeirantes, passando pelas praias do Recreio, Reserva, Barra da Tijuca, São Conrado, Leblon, Ipanema, Copacabana, Botafogo e chegando no Aterro do Flamengo. A largada da Meia Maratona – 21 km, será às 6h45 na Praia do Pepê, Barra da Tijuca, e a da Olympikus Family Run – 6 km, acontece às 8h no Aterro do Flamengo, na altura da Rua Cruz Lima. Todas as chegadas acontecem no Aterro do Flamengo, entre as Ruas Tucumã e Cruz e Lima. A Maratona CAIXA da Cidade do Rio de Janeiro 2016 é realizada e organizada pela Spiridon Promoções & Eventos e pela Dream Factory, com patrocínio master CAIXA e Governo Federal, patrocínio oficial Olympikus, Gatorade, Skol Ultra, Piraquê, Light, Secretaria de Esporte e Lazer e Juventude do Governo do Rio de Janeiro, e Apoio Minalba, e Prefeitura do Rio de Janeiro. Bora treinar gente!! Falta apenas um mês!! #CorridaParaTodos

Perfil Genético

Como uma análise de perfil genético pode contribuir nos treinos dos corredores amadores?

Lia Kubelka  – O Perfil genético auxilia todos os tipos de atletas e até mesmo os que estão querendo começar uma atividade física. Através dessa análise é possível delinear um programa de treinamento individualizado de acordo com as necessidades únicas de cada um.

Na prática, quais são os benefícios?

Lia Kubelka – Através dessa análise é possível verificar a predisposição a lesões, o tipo de fibra muscular predominante (importante para o delineamento do treino), a capacidade de recuperação cardiovascular e muscular, a capacidade aeróbica, entre outros fatores fundamentais para a prática do esporte de maneira adequada. Com o conhecimento dessas características é possível que o atleta amador estabeleça uma estratégia de preparo adequada para o seu organismo, evitando lesões e desgaste físico excessivo.

Qual seria a melhor época para se fazer o exame – um ano antes no caso de maratonas?

Lia Kubelka – Quanto antes melhor, mais os benefícios existem a qualquer momento. Mesmo próximo a competição, é possível individualizar o preparo para que a performance seja otimizada.

Quem solicita este exame, o treinador ou o clínico geral ou a nutricionista – ou todos?

Lia Kubelka – Todos esses profissionais podem solicitar. E sempre que trabalham em conjunto o resultado é muito melhor. É uma análise que pode ser aproveitada por toda a equipe que acompanha o atleta.

Como é feito o exame? Com fio de cabelo? 

Lia Kubelka – O exame é feito através de um swab bucal que coleta as células dessa região (interior da boca). A partir daí o laboratório isola o DNA dessas células para a análise. É uma coleta muito simples que pode ser realizada em qualquer local, até mesmo em casa.

Quais tipos de exames genéticos podem favorecer os corredores amadores? E os profissionais?

Lia Kubelka – Os atletas tanto amadores quanto profissionais podem se beneficiar muito dos Perfis Genéticos tanto para alimentação quanto para atividade física. Com essas análises tanto a dieta quanto o plano de treinamento saem da tentativa e erro e é possível a otimização dos dois de acordo com as características específicas de cada um. O que é bom para uma pessoa pode ser até mesmo prejudicial para outra. O objetivo do Perfil Genético é justamente eliminar esses fatores que podem atrapalhar o rendimento do atleta.

Você corre? Já realizou estes exames antes de uma maratona? O que destacaria?

Lia Kubelka – Nunca pratiquei uma maratona, já participei de competições em outras modalidades. Mas em relação ao meu perfil parece que eu aguentaria bem uma maratona pois tenho uma genética que favorece a resistência e não tanto a força e a velocidade. Por isso para mim o ideal é uma corrida mais longa que não necessite de tanta velocidade. Também sei que a minha predisposição a lesões não é tão grande e a minha capacidade aeróbica é boa.

E depois da maratona? O que este tipo de exame pode revelar?

Lia Kubelka – Pode indicar como deve ser o treinamento físico diário, independente se o atleta está ou não se preparando para uma maratona.

Esse tipo de exame pode identificar possíveis casos de morte súbita, como o que ocorreu recentemente na Bahia com um estreante nos 21k?

Lia Kubelka – Existem umas variantes analisadas nesse exame que estão relacionadas sim com uma predisposição maior para esse tipo de acontecimento. Mas isso não possui uma causa única, então outros fatores devem ser levados em consideração também quando se avaliam os riscos.

 

O Flamengo já usa esse exame:

 

serviço

Expo Rio Run

Local: Centro de Convenções Sul América (Rua Paulo de Frontin, n°1 – 2º pavimento)

Datas: 26, 27 e 28 de maio, nos seguintes horários:

Quinta Feira – 26 de maio, das 08h às 17h

Sexta Feira – 27 de maio, das 09h às 18h

Sábado – 28 de maio das 08h às 17h

 

Maratona do Rio

Dia 29 de maio de 2016

Largada: Praça do Pontal do Tim Maia (Recreio dos Bandeirantes)

Horário: a partir de 6h55

Chegada: Aterro do Flamengo, Zona Sul

 

 

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.